Estudos 8 - Intensidade

O Órgão-Ar: (Rins)

  • O principal componente do ar é o nitrogênio. Quem lida com os compostos nitrogenados do sangue no organismo humano são os rins. Os animais usam a urina justamente como sua “marca registrada”, para impor aos outros animais sua “animalidade”.

  • É de conhecimento de todos que algumas sensações podem causar polaciúria como, por exemplo, o medo.

  • “Toda consciência é consciência de alguma coisa” (Husserl).

  • O entendimento não pode conhecer o fundo das coisas.

  • O espírito, o sujeito, o eu, é princípio de tudo, toda a natureza é espiritualizada.

  • O espírito é a natureza na fase de consciência clara.

  • Quando distinguimos um som forte de um som fraco. (Forte ou fraco) (claro ou escuro) (dinâmica)

  • É o modo de como tocamos ou cantamos determinado trecho musical.

  • Audiometria é o estudo  metrológico da audição.

  • Devemos zelar pela nossa saúde auditiva e vocal evitando forçar a voz ao falar ou cantar e ficar exposto a ruídos excessivos.

  • Alguns barulhos podem comprometer a nossa audição.

  • Deve-se usar protetor auditivo quando o barulho for inevitável.

 Não é possível adorar a Deus num ambiente tumultuado, com vaivém constante de pessoas, gente falando todo o tempo, cantores embalados por orquestras retumbantes e caixas de sons tonitruantes.

          Pode ser que eu esteja fora de moda, mas acho que precisamos nos lembrar do “aquietai-vos e sabei que Eu sou Deus”. Como se acalmar num ambiente com tantas interferências?

          Ruído excessivo aumenta a adrenalina e a pressão arterial, estimula o estresse e a insônia.

          A partir de 85 decibéis, não importa de o som é agradável ou não, se é produzido por música rock ou sacra, ele é, de qualquer modo, prejudicial ao corpo e em especial à audição. 

Expressões musicais

  • A maneira como os indivíduos expressam suas vidas é a sua maneira de ser. Assim, o que eles são coincide com sua produção, tanto com o que eles produzem, quanto com o modo como produzem. A natureza dos indivíduos depende, então, das condições materiais que determinam sua produção.

  • A imaginação seria um agrupamento inédito de fragmentos de sensação e a memória, um reflexo de antigas sensações.

  • Vivência simples, produzida pela ação de um estímulo (externo ou interno: luz, som, calor etc.) sobre um órgão sensorial, transmitida ao cérebro através do sistema nervoso. Embora por vezes se considere a sensação como o ponto de partida para a construção da experiência e do saber, ela não é, no entanto, um dado imediato da consciência: a sensação só se apresenta ao nosso espírito sob uma forma mais complexa -- a forma de percepção. Apenas podemos falar de sensações nas percepções se as considerarmos em si mesmas, sem considerar o que significam.

     Afetuoso

     Com Alma/Com Disposição

     Com Entusiasmo

     Com Finura

    Jocoso

    Resolvido

    Brincando

   Tranquilo

   Mantendo

Filosofia

  • No caso da emoção em música o papel da filosofia é criar teorias que explicam o paralelo da expressão musical com as emoções. Como uma pessoa ao escutar uma música a classifica como triste ou alegre, por exemplo, e como um compositor pode se dizer expressando suas emoções através da música.

  • Para Davies uma abordagem possível é descobrir recursos técnicos de composição. Isso corre o risco de reduzir a expressividade musical a um catálogo de técnicas. A maioria das músicas tristes está em modo menor, mas não quer dizer que soar triste significa “modo menor”. De alguma forma não bem explicada a modalidade menor possui características diferentes que a fazem ser associada à expressão de tristeza.